Retalhos Bem-vindo! Retalhos Willkommen! Retalhos Bienvenido! Retalhos Bienvenue! Retalhos Benvenuti! Retalhos Welcome! Retalhos 歡迎! Retalhos Καλως ηλθατε! Retalhos Добро пожаловать! Retalhos!مرحبا Retalhos

Senhor! Fazei-me instrumento da vossa paz!

VÍDEOS: Para visualizar e ouvir os vídeos deverá dasativar a música de fundo no painel aqui do lado esquerdo

26 outubro 2009

Outubro: Mês do Rosário

AS ORIGENS DO SANTO ROSÁRIO

Deus na obra de salvação dos homens quis associar a Si, como colaboradora Sua, uma Mulher: Nossa Senhora, que tem o grande privilégio de ser a Mãe de Deus, e também exercer por vontade do mesmo Deus, o papel de Corredentora e Medianeira de todas as graças, a maior de todos os intercessores junto ao seu Filho Jesus, diante do trono da Santíssima Trindade.Como já dizia o maior Santo mariano, São Luis Maria Grignion de Montfort, falando da poderosa eficácia do Santo Rosário: "Ainda que estivésseis na beira do abismo, ainda que já tivésseis um pé no Inferno, ainda que tivésseis vendido vossa alma ao demônio, ainda que fôsseis um herege empedernido e obstinado, vós vos converteríes mais cedo ou mais tarde e vos salvaríes — desde que rezásseis todos os dias o Santo Rosário, devotamente, até a morte, para conhecer a verdade e obter a contrição e o perdão dos vossos pecados.
O Santo Rosário na forma como é rezado hoje foi inspirado à Igreja e dado pela a Santíssima Vírgem a São Domingos no ano de 1214 para converter os hereges albigenses e os pecadores, conforme relatou o Beato Alano de la Roche.
São Domingos vendo que os pecados dos homens impediam a conversão dos hereges, entrou numa floresta próxima a Toulouse e lá passou três dias e três noites em contínua oração e penitência.Para acalmar a cólera de Deus, não cessava de gemer, de chorar e de macerar o corpo com golpes de disciplina, a ponto de cair esgotado.
Nossa Senhora apareceu-lhe então, acompanhada de três Vírgens do Céu, e lhe disse: "Se queres ganhar para Deus esses corações endurecidos, prega o meu Rosário".
O Santo se levantou consoladíssimo e ardendo de zelo pela a salvação das almas, entrou na Catedral; imediatamente os sinos foram tocados por anjos para reunir os habitantes.
No começo da pregação, ouve uma tempestade espantosa; a terra tremeu, o sol se escureceu, trovões e relâmpagos repetidos fizeram estremecer e empalidecer os ouvintes. Seu terror aumentou ainda mais quando viram uma imagem da Santíssima Vírgem exposta em lugar de destaque, erguer os braços três vezes para o Céu para pedir vingança a Deus contra eles, se eles não se convertessem e não recorressem à proteção da Mãe de Deus.
O Céu queria, com esses prodígios, promover a nova devoção ao Santo Rosário e torná-la mais conhecida.A tempestade cessou afinal, pelas orações de São Domingos. Este prosseguiu a pregação e explicou com tanto fervor e entusiasmo a excelência do Santo Rosário, que quase todos os habitantes de Toulouse o adotaram e renunciaram a seus erros. Em pouco tempo, notou-se uma grande mudança nos costumes e na vida da cidade.
O estabelecimento do Santo Rosário dessa forma prodigiosa nos faz recordar o modo como Deus promulgou sua Lei no Monte Sinai, e torna manifesta a excelência desta santa devoção.
A devoção do Santo Rosário se conservou fervorosa até cerca de cem anos após a sua instituição. Depois, esteve quase sepultada no esquecimento. A malícia e a inveja do demônio com certeza contribuiram para tal esquecimento, e para que assim cessasse o fluxo das graças que o Santo Rosário trazia para o mundo.A Justiça divina castigou os reinos da Europa, a partir do ano 1349, com a mais terrível peste que jamais se vira. Surgida no Oriente, espalhou-se pela a Itália, Alemanha, França, Polónia, Hungria e devastou todas essas terras, de modo que de cem homens, somente um sobrevivia. As cidades, as aldeias e os mosteiros se despovoaram durante os três anos que durou a epidemia. E a esse flagelo de Deus ainda se seguiram outros.Quando pela misericórdia de Deus, tais misérias cessaram, a Santíssima Vírgem ordenou ao Beato Alano de la Roche, célebre doutor e famoso pregador da Ordem dominicana, que restabelecesse a antiga Confraria do Santo Rosário.
Desde o estabelecimento do Santo Rosário por São Domingos, até 1460, quando o Beato Alano o restabeleceu por ordem do Céu, ele foi chamado o Saltério de Jesus e de Maria, porque contém 150 Ave Marias, o mesmo número dos Salmo de Davi.
Depois disso, recebeu popularmente o nome de Rosário, que significa coroa de rosas. A Santíssima Vírgem aprovou e confirmou esse nome, revelando a várias pessoas que elas lhe ofereciam tantas rosas agradáveis como quantas Ave Marias, e tantas coroas de rosas como quantos Rosários rezássem.
As crónicas franciscanas contam que um jovem religioso tinha o louvável costume de rezar o terço diariamente, antes da refeição. Um dia, por uma razão qualquer, não o rezou, e quando tocou o sino para o jantar conseguiu do superior enviar um religioso para chamá-lo. Esse religioso o encontrou com a cela toda iluminada por uma luz celestial, e viu a Santíssima Vírgem com dois anjos. À medida que o religioso rezava as Ave Marias, belas rosas saiam de sua boca e os anjos as iam pegando uma após outra e as colocavam sobra a cabeça da Vírgem, que manifestava seu agrado... Nossa Senhora só desapareceu quando o terço estava totalmente rezado.
O Santo Rosário é, pois, uma grande coroa de rosas e o terço é um diadema, ou uma pequena coroa de rosas celestes que se põe sobre a cabeça de Jesus e de Maria.

In, http://mariachelli.multiply.com/reviews/item/149

6 comentários:

maresia disse...

Pela primeira vez vejo aqui, por escrito, a explicação desta maravilhosa oração, que aprendi da minha mãe.
Para nós portugueses, juntamos o pedido de Nossa Senhora em Fátima: "...Que rezeis o Terço todos os dias...".
De passo em passo, esta Família Retalhos vai fazendo caminho, vai aprendendo um pouco mais dos Tesouros que Deus tem para nos dar.
Obrigada Frei Amigo.

sirlene disse...

Frei, de Deus! Pena que veio já no fim do mês essa jóia de lembrança!Passei pros meus povos e povas...tomara que acenda em todos o mesmo revigor que em mim aconteceu! Eu estava precisando dele!Às vezes tenho preguiça, desânimo, cansaço para rezar o terço...que dirá o rosário!Mas essa imagem de que a cada Ave-Maria que se eleva, uma rosa é colhida por Ela,com sorriso de agrado ...pode ser metáfora...mas me deu vontade de não parar de buscar-lhe este afago! O sr sempre nos brindando com meditações preciosíssimas!Meu coração agradece!Paz e bem ao sr e a toda minha familha Retalhos!

mariana disse...

Obrigado Frei por esta rica partilha/ensinamento sobre a recitação do rosário.

Pelo rosário todos os dias desce uma chuva de bênçãos sobre nós.
Muitos testemunhos eu poderia dar, como através da MÃE tenho recebido tantas, tantas graças...!

Hoje, tal como a Senhora do Rosário pediu , somos convidados a retomar o nosso relacionamento com Maria, através da recitação do terço... já não falo do rosário... oferecer rosas à MÃE, que ela transforma em súplicas, ao seu FILHO...!

Maria sempre nos aponta o seu filho , nunca atrai ninguém , para si mesma , senão, não seria a cheia de graça !

Hoje, vamos retomar a oração do terço nas nossas vidas , vamos confiar à Virgem do Rosário as nossas dores , enfermidades , dúvidas , desempregos, os problemas emocionais e espirituais afim de que ela interceda por nós !

Interceda por nós a Virgem Cheia de Graça!

xana disse...

OBRIGADA IRMÃO e AMIGO, por mais esta partilha com que nos brinda sobre o Rosário e a sua eficácia. É uma das minhas orações predilectas à MÃE…

Eu também sinto e estou convencida que o rosário é uma extraordinária oração, é um excelente modo de rezar que é uma maneira maravilhosa de entrar em comunhão com Deus e com o mundo, com o Divino e com o humano. É isto mesmo que nos afirma
o nosso querido Papa João Paulo II, insigne na sua espiritualidade Mariana e na sua devoção a MARIA , quando oito dias após a sua investidura solene no Supremo Pontificado afirmou:
«Quero chamar a vossa atenção para o rosário. É a minha oração predilecta.Oração maravilhosa! Pela simplicidade e pela profundidade…
… O nosso coração pode incluir nos mistérios do Rosário todos os factos que compõem a vida individual das famílias, das nações, da Igreja e da Humanidade; os nossos problemas e os do próximo, de modo especial, dos que estão mais perto de nós, dos que mais amamos. Assim a simples recitação do rosário acompanha toda a vida humana.
…Exorto-vos a todos a recitá-lo.».
Também tem uma dimensão evangélica como afirma o Papa João Paulo VI: «É ao Evangelho que vai aurir o enunciado dos mistérios e as fórmulas principais; no Evangelho se inspira a atitude com que o fiel o deve recitar, sugerida pela jubilosa saudação do Anjo e correspondente assentimento religioso da Virgem Maria; do Evangelho, enfim, tira o mistério fundamental lembrado no suceder-se das Avé-Narias – a Encarnação do Verbo – contemplado no momento decisivo da Anunciação feita a Maria. O Rosário é, pois, uma oração Evangélica, como hoje mais do que no passado, gostam de o definir os pastores e estudiosos». (Marialis cultus,44)
Todo o Rosário me centra (nos centra) na Pessoa de Cristo, o Verbo Encarnado.
Ele coloca nos nossos lábios e nos nossos corações as mais belas e evangélicas orações.
Primeiro o Pai-Nosso, rezado e ensinado por Jesus, a chamada «Oração Dominical», base de toda a oração cristã, modelo de toda a prece. Inserido no terço, faz-nos entrar em comunhão com o Pai, através de Jesus Cristo.
Depois, a «sucessão litânica da Avé-Maria, composta da saudação do Anjo à Virgem Santíssima (cfr. Lc 1, 28) e das palavras de bênção de Isabel (cfr. Lc 1,42), às quais se segue a súplica eclesial Santa Maria (Marialis cultus, 49c).
Depois, a doxologia do Glória, em que glorificamos a Deus, Uno e Trino, do qual e para o qual são todas as coisas (cfr.Rom 11,36).
As orações que fazem parte do Rosário são de valor Evangélico e por si mesmas são uma preciosidade para ser rezada com AMOR, FÉ e verdadeira devoção…
Sempre que possamos rezemos esta maravilhosa oração…e interiorizemo-la… ela é sempre actual…

Anónimo disse...

Boa tarde família Retalhos,
...Calculem minha IMENSA satisfação: a leitura do texto deu... deu para entender que Terço é a terça parte do Rosário... Bravo amigos, nem sonham os pequenos GRANDES passos que acabo dando! Confusa, muito confusa atrevo-me a compartilhar dificuldades... Quem sabe posso abrir caminho à aventura de mais irmãos Cristãos!
Bem hajam,
Mª Teresa CC

quina disse...

FREI
Para nós católicos MARIA sempre será a SENHORA do ROSÀRIO a VIRGEM de NAZARÉ,a MÂE de JESUS e nossa MÂE espiritual.
É impossivel conceber a nossa vida, a vida da igreja sem o ROSÁRIO.
As orações do ROSÁRIO,são um Bálsamo sobre o coração e sobre as nossas feridas.
O ROSÁRIO é a forma de ouvir a PALAVRA de DEUS como MARIA ouviu.
Quando rezamos o ROSÁRIO e o entrelaçamos nas mãos é a chave de uma vida alegre,luminosa confiante assim com MARIA que acreditou e esperou.
N. S. do ROSÁRIO, dai-nos a GRAÇA ao recitarmos
a AVÉ MARIA tambem meditarmos o MISTÉRIO da VIDA
MORTE e RESSURREIÇÃO de seu FILHO JESUS CRISTO,
na unidade do ESPÍRITO SANTO.


Tudo com JESUS nada sem MARIA

OBRIGADA FREI

AVISO LEGAL – Procurarei fazer, neste blog, uma utilização cautelosa de textos, imagens, sons e outros dados, respeitando os direitos autoriais dos mesmos. Sempre que a legislação exigir, ou reclamados os referidos direitos de autor, procurarei prontamente respeitá-los, corrigindo informação ou retirando os mesmos do blog

 
© 2009 | RETALHOS 2 | Por Templates para Você