Retalhos Bem-vindo! Retalhos Willkommen! Retalhos Bienvenido! Retalhos Bienvenue! Retalhos Benvenuti! Retalhos Welcome! Retalhos 歡迎! Retalhos Καλως ηλθατε! Retalhos Добро пожаловать! Retalhos!مرحبا Retalhos

Senhor! Fazei-me instrumento da vossa paz!

VÍDEOS: Para visualizar e ouvir os vídeos deverá dasativar a música de fundo no painel aqui do lado esquerdo

11 fevereiro 2010

Dar vida, semeando esperança


XVIII DIA MUNDIAL DO DOENTE
Dar vida, semeando esperança

O DIA MUNDIAL DO DOENTE

Desde 1993 que a Igreja propõe a todas as suas comunidades a celebração do Dia Mundial do Doente, por iniciativa de João Paulo II, poucos anos após a instituição da Comissão Pontifícia para o Apostolado dos Profissionais de Saúde. Este ano de 2010 é um ano especial, porque nele se comemora o 25º Aniversário da instituição da Pastoral da Saúde. Por isso mesmo, o tema da mensagem que o Papa Bento XVI enviou a toda a Igreja refere este efeméride e pede que a “Igreja esteja ao serviço do Amor pelos enfermos e por todos os que sofrem”. É esta vocação de serviço que é urgente celebrar no Dia Mundial do Doente deste ano de 2010, ano das Bodas de Prata do nosso Dicastério – o Conselho Pontifício para a Pastoral da Saúde.

A MENSAGEM DE BENTO XVI


O Papa na sua mensagem para o Dia Mundial do Doente tem em mente dois grandes documentos, a Salvifici Doloris, de 1984, com o belíssimo comentário da Parábola do Bom Samaritano, e a Encíclica Spe Salvi onde se refere que um dos lugares de aprendizagem da esperança é, precisamente, o sofrimento. O Papa não pode deixar de referir o facto de se celebrarem os 25 anos sobre a instituição do Conselho Pontifício, considerando este facto de singular importância para a pastoral, no quadro da nova evangelização, De facto, a Igreja tornou-se solidária com as grandes preocupações do homem contemporâneo que dá à saúde um lugar de extraordinário relevo nas suas preocupações.
Depois, Bento XVI fala do sofrimento humano e relaciona-o com a dimensão salvífica do sofrimento de Cristo com que o cristão pode identificar-se.
Apresenta-se também a grandeza da solicitude a ter para com os doentes e com todos os que sofrem, vendo nesta solicitude o complemento da atitude de estrema generosidade retratada nos gestos do Bom Samaritano.
O Papa refere ainda a originalidade do Apostolado da Misericórdia de Deus. Como Deus teve misericórdia para com o homem, também os cristãos vivem a misericórdia sobretudo para com os doentes e aqueles que mais sofrem.
A terminar, o Santo Padre refere ainda que os cristãos, na sua relação com os mais abandonados, se devem tornar autênticos “ministros dos enfermos”, sejam sacerdotes, profissionais ou voluntários. A invocação a Maria, Saúde dos Enfermos, fecha esta lindíssima mensagem do Papa, para o Dia Mundial do Doente.



ORAÇÃO A NOSSA SENHORA
SAÚDE DOS ENFERMOS


Ó Virgem Santa Maria, Saúde dos Enfermos
que acompanhaste Jesus ao longo da vida
desde o nascimento em Belém
à vida oculta em Nazaré
desde o começo da pregação do Reino em Cafarnaum
e ao cuidado com os mais pobres e que mais sofrem
nos caminhos da Galileia e da Judeia
até ao momento do grande sacrifício, no Calvário,
Ó Virgem Santa Maria, consoladora dos aflitos
que permaneceste junto à Cruz do teu Filho
participando intimamente nas suas dores
Ó Virgem Santa Maria, Mãe de Jesus
e mãe de todos os homens e mulheres
acolhe os nossos sofrimentos e une-os ao de Jesus
para que as sementes da esperança
espalhada no mundo pela fé e pelo amor
continuem a produzir frutos abundantes
na vida de todos os doentes.
Mãe de misericórdia, com a maior fé nos volvemos para ti, Senhora,
consegue-nos do teu Filho Jesus
que rapidamente possamos voltar,
plenamente restabelecidos, às nossas ocupações
para sermos úteis aos outros com o nosso trabalho.
Entretanto, fica ao pé de nós neste momento de sofrimento
e ajuda-nos a repetir, cada dia, contigo o nosso “sim”
sabendo que Deus sabe tirar do mal,
um bem sempre maior.
Virgem Imaculada, faz que a nossa oração no mundo da dor e da angústia
se transformem para nós e para os que mais amamos
na expressão mais bela da vida cristã
para que, na contemplação do Rosto de Cristo Ressuscitado,
encontremos a abundância da misericórdia de Deus
e a alegria de uma comunicação, cheia de amor, com os nossos irmãos
antevisão da alegria sem fim que todos teremos no Céu. Amem!


(Oração recolhida a partir de uma oração de João Paulo II no Jubileu 2000)

4 comentários:

sirlene disse...

Olá Frei Albertino, Família ...
Saudações
Esta homenagem ao doente, reservando a ele um dia mundial para celebrá-lo é devéras necessária.Considero que seja o dia para não só orar, mas sobretudo para cogitar que a dignidade do enfermo seja respeitada, sob todos os aspectos, a começar pela seriedade ao enfrentamento necessário das politicas públicas na provisão de infra estruturas para o atendimento do doente.Coisa que o mundo olvida de maneira vergonhosa, e as instituições privadas exacerbam na sua condição de proprietárias esclusivas ou majoritarias provedoras de recursos tecnológicos e científicos , de capacidade física e de recursos humanos.
As previdências sociais, inegavelmente constituem um benefício, todavia sabe-se que o atendimento ao doente através delas, difere do atendimento dado a quem tenha recursos.Isto é ascinte à dignidade do doente!
Pensar e celebrar o doente é melhorar as condições para que todos os enfermos sejam bem atendidos, e isto envolve desde instalações adequadas, como funcionários competentes, quer administrativamente como tecnicamente todo o pessoal que circula e atende numa instituição sanitária.
O assunto e a oportunidade para estas considerações devem ser a pauta para o dia da celebração mundial do doente.

M.ª Teresa CC disse...

Família Retalhos,
Dia 11 Fevereiro, dia recordado (liturgicamente) em memória da Bem Aventurada Virgem Maria de Lourdes.
Mereceu certamente leitura "jucunda" este texto (ai que teimosia a minha, insistindo em palavras arcaicas... melhor trocar por "agradável"...).
Sempre com o Tema "Saúde" bem presente, se consagra bastante atenção a: pobres, doentes, a todos os que sofrem. Apraz-me confirmar: regista-se nos dois últimos Papados (João Paulo II e, na actualidade, Bento XVI) IMENSO CUIDADO E ATENÇÃO!!
GRATA! MUITO! Assim seja.

mariana disse...

Na Última Ceia, antes de voltar para o Pai, Jesus inclinou-se para lavar os pés aos Apóstolos, antecipando o supremo acto de amor na Cruz. Com este gesto, convidou os seus discípulos a praticar este mesmo acto de amor, especialmente aos mais pobres e necessitados.
Seguindo o seu exemplo, cada cristão é chamado a praticar, a parábola do bom Samaritano, como nos lembrou o Papa Bento XVI no sua mensagem para o dia do Doente.

Tentando responder a este chamamento um pequeno grupo de voluntários, na minha paróquia, começámos a celebrar o dia do Doente no próprio dia 11, deslocando-nos ao domicílio de cada um, fazendo uma pequena visita, escutando, consolando e levando um miminho.
Ontem celebrámo-lo na paróquia, levando todos os doentes, aqueles que devido ás suas limitações não o podem fazer ao longo do ano, a participar nesta celebração. Foram buscar-se ás suas casas e tiveram oportunidade de se confessar, assistir à Eucaristia, receber o sacramento da Unção dos Doentes, e terminaram o dia com um lanchinho.

Bendito seja Deus por isso!

Mª Teresa disse...

Bom dia Família Tetalhos 2,
Paz e Bem!
Dia 11 Fevereiro...Dia Mundial do Doente...
... Venho só propor o visionameto do filme "A Canção de Bernardette" - em 1944 terá merecido vários e diferentes prémios...
Se o fizerem, (usando video, certamente) será entendida a veneração de Virgem Maria em Lourdes!
E, talvez, ganhe respeito a escolha deste Dia para tal Celebração.

AVISO LEGAL – Procurarei fazer, neste blog, uma utilização cautelosa de textos, imagens, sons e outros dados, respeitando os direitos autoriais dos mesmos. Sempre que a legislação exigir, ou reclamados os referidos direitos de autor, procurarei prontamente respeitá-los, corrigindo informação ou retirando os mesmos do blog

 
© 2009 | RETALHOS 2 | Por Templates para Você