Retalhos Bem-vindo! Retalhos Willkommen! Retalhos Bienvenido! Retalhos Bienvenue! Retalhos Benvenuti! Retalhos Welcome! Retalhos 歡迎! Retalhos Καλως ηλθατε! Retalhos Добро пожаловать! Retalhos!مرحبا Retalhos

PORTUGAL: BEM VINDO SANTO PADRE!

VÍDEOS: Para visualizar e ouvir os vídeos deverá dasativar a música de fundo no painel aqui do lado esquerdo

25 dezembro 2013

Um Natal de Esperança

CHRISTUS NATUS EST PRO NOBIS
Cristo nasceu para nós! 
Amigos, como sempre, só depois das Celebrações de Natal, que como imaginais na vida de um Padre ocupam o tempo todo, sou capaz de parar para rezar na intimidade e a sós este Grande Mistério de Deus que vem ao meu, ao nosso encontro.
Na nova Fraternidade onde agora resido, junto ao presépio feito no topo do corredor, junto à minha porta aberta para que Jesus entre, de novo faço um vídeo para partilhar convosco o que me vai na alma e sobretudo na Gratidão.
Que Deus vos conceda um Santo Tempo de Natal e um ano 2014 abençoado.
(Este vídeo pode ser visto em HD até 1080pp e em 3D. Se o vosso computador o permite, podeis escolher visualizar com esta qualidade na rodinha que está por baixo do vídeo na parte direita)

20 dezembro 2013

Advento: Tempo da esperança


(Mt.8,5-11) – Muitos virão

O Advento celebra a vinda do Senhor.

Com a Igreja que espera, toda a Humanidade vive em Advento, em caminhada de Esperança e libertação…
Mas Aquele que esperamos já veio, e a Sua presença actua em nós agora pela expectativa e busca de cada instante. Não sou eu que busco a Cristo, mas é Ele que me busca a mim. Não O buscaríamos se não o tivéssemos já encontrado. O mais difícil não está em eu encontrar Deus, mas em deixar-me encontrar por ELE
Nesta caminhada de Advento vamos reproduzir e completar em nós o que falta ao Cristo total.
A meta é Cristo… Todos os caminhos dos homens começam e terminam n´Ele.

Advento é tempo de Esperança.
É Deus que vem salvar. Chamam pelo Messias, o Ungido do Senhor, todas as dores e cativeiros do homem. Convergem para ELE todos os anseios e buscas de Felicidade, todos os erros e desenganos. Deus escondeu no homem tais exigências, que só no Verbo encarnado podiam encontrar resposta. Muitos O buscam, chamam por ELE mesmo sem o saberem…
Vejamos o centurião do Evangelho! Vem ao encontro de Jesus animado duma grande Fé. Viu o seu servo curado porque acreditou… Como ela, também nós caminhamos na Fé, envoltos na nuvem de promessas e esperanças, em Advento continuo até ao fim. É Deus que nos busca e entra em casa a curar paralisias, que se atravessam nos caminhos da Fé e do Amor. A Terra Prometida é o Prometido do Pai, que nos vai nascer em Belém…
«Senhor eu não sou digna»!...

Com o Advento, tem inicio o novo Ano Litúrgico.
Estamos sempre a recomeçar. Graças a Deus que nos dá sempre mais uma oportunidade! A vida é um permanente reinício, e é isso que a torna interessante e atractiva. Avança-se nos anos, e adensa-se o mistério da existência. Estamos sempre em Advento, pois cada fim traz consigo, doado por Deus, um recomeço e um convite a um aprofundamento e uma intensificação da nossa vida.
Como recomeçar? Começar com quê, de que modo? Voltando a querer ser criança?
Assim começou Deus, na Incarnação. No fundo de nós mesmos, está a criança que confia, acredita, espera e Ama… Vamos despertar e dar vida nova a esse «menino bom» que temos no fundo do coração! Como os pequeninos, ergamos os olhos para o alto, prontos a escolher o que nos é dado, de cima!
«Deixai vir a Mim os pequeninos!» (Lc.18,16)
A nós o Evangelho convida-nos a «cobrar ânimos e levantar a cabeça» (Lc.21,28).
Com os olhos no alto, libertamo-nos dos apegos ao passado e perdemos o medo do futuro. Advento: tempo de acarinhar a criança que temos dentro de nós, vivendo no «hoje», concentrados nas tarefas que nos estão confiadas, despreocupados do passado e do porvir, irradiando a tranquilidade que possuímos no coração…

Vivemos para o futuro, que dá sentido e intensidade ao presente. «Vem Senhor Jesus!», proclamamos em todas as Eucaristias, após a Consagração. ELE vem pela Comunhão, pela Palavra, pelo sorriso, pelo olhar, pela escuta, pela ternura, pelo acolhimento, pela união fraterna. De novo há-de vir como Juiz Amigo, a fim de nos premiar pelo que tivermos feito por ELE nos nossos irmãos…

Reflictamos pessoalmente:
1. Jesus continua hoje a querer encarnar no mundo. Entrar na história dos homens e na minha.
Como me preparo para O receber?
Como preparo o muno à minha volta para O receber?

2. O Advento é tempo de “afinar” a nossa capacidade de reconhecer a Sua presença no dia a dia. Nas situações, pessoas, leituras, oração, Eucaristia…
Como me abro a essas vindas?

3. Os Magos, João Baptista, Maria, José…quatro figuras do Advento, diferentes atitudes, diferentes formas de abertura ao encontro e de preparação da vinda do Senhor.
Com qual me identifico mais?
Que atitudes me parecem mais importantes actualizar na minha vida, tornar presentes no mundo em que vivo?
Vivamos o Advento…
Lena

17 dezembro 2013

Papa Francisco 77 anos

HOJE O PAPA FRANCISCO CELEBRA 77 ANOS DE VIDA
No dia do seu 77º aniversário o Papa Francisco celebrou a Missa na Casa de Santa Marta com os funcionários da residência. O Pontífice quis viver a celebração num clima particularmente familiar.
O Evangelho de hoje com a genealogia de Jesus deu ocasião ao Papa para recordar afetuosamente durante a homilia alguns nomes dos funcionários presentes. Concelebrou a Eucaristia o Cardeal Sodano, decano do Colégio Cardinalício. Após a celebração o Secretário de Estado D. Pietro Parolin saudou o Papa em nome dos colaboradores da Secretaria de Estado, tendo-se unido a estes votos de felicidades o elemosineiro vaticano D. Konrad Krajewski que apresentou ao Papa quatro pessoas sem-abrigo que também cumprimentaram o Santo Padre. Todos participaram no pequeno-almoço que se seguiu no Refeitório da Casa de Santa Marta.
Na sua homilia o Papa Francisco revelou que Deus quis fazer caminho connosco, quis fazer caminho com os pecadores centrou a sua atenção no Evangelho e na genealogia de Jesus, uma lista cheia de nomes...“Uma vez ouvi alguém que dizia: ‘Mas esta passagem do Evangelho parece a lista telefónica!’ E não, é outra coisa: esta passagem do Evangelho é pura história é um argumento importante. É pura história, porque Deus, como dizia São Leão Papa, Deus enviou o seu Filho. E Jesus é consubstancial ao Pai, Deus, mas também consubstancial à Mãe, uma mulher. E esta é aquela consubstancialidade da Mãe. Deus fez-se história. Deus quis fazer-se história. Está connosco. Fez o caminho connosco.”
“Os pecadores de alto nível, que fizeram grandes pecados. E Deus fez história com eles. Pecadores, que não responderam a tudo aquilo que Deus pensava para eles. Pensemos em Salomão, tão grande, tão inteligente e acabou pobrezinho, ali, que não sabia como se chamava! Mas Deus estava com ele. E isto é belo! Deus é consubstancial a nós. Faz história connosco. Mais: quando Deus quer dizer quem é, diz ‘Eu sou o Deus de Abraão, de Isaac, de Jacob.’ Mas qual é o apelido de Deus? Somos nós, cada um de nós. O apelido de Deus é cada um de nós.”
Deus fez-se escrever a história por nós – disse o Papa Francisco - porque Deus é humildade, é paciente é...amor. Um Deus que nos dá tanto amor e ternura: “A sua alegria, foi partilhar a sua vida connosco. O Livro da Sabedoria diz que a alegria do Senhor está entre os filhos do homem, connosco. Aproximando-se o Natal, podemos pensar: se Ele fez a sua história connosco, se Ele ficou com o nosso apelido, se Ele deixou que nós escrevêssemos a sua história, pelo menos deixemos que Ele escreva a nossa história, E aquela é a santidade: ‘Deixar que o Senhor nos escreva a nossa história’. E este é um desejo de Natal para todos nós. Que o Senhor te escreva a história e que tu deixes que Ele a escreva, Assim seja!

in, http://arqrio.org/noticias/detalhes/1492/parabens-papa-francisco

15 dezembro 2013

Que fazer? ALEGRAI-VOS!!!

Celebramos hoje o terceiro Domingo do Advento, chamado também Domingo “Gaudete”, porque a liturgia nos convida à alegria.
Hoje a liturgia permite o uso de Paramentos rosa ou de cor violeta esbatido como que a aliviar o roxo da penitência e para mostrar que esta penitência não é incompatível com
a alegria de sentir próximo o “Verbo de Deus”.
Neste sentido podemos escutar João Paulo II: «Um insistente convite à alegria caracteriza a liturgia deste terceiro domingo de Advento, chamado «Gaudete», porque a palavra «Gaudete» é, precisamente, a primeira da antífona de entrada. «Alegrai-vos», regozijai-vos! Ao lado da vigilância, da oração e da caridade, o Advento convida-nos ao júbilo e à alegria, porque já está próximo o encontro com o Salvador. O profeta… preanuncia os prodígios que o Senhor realizará em favor do seu povo, libertando-o da escravidão e reconduzindo-os à pátria. Com a sua vinda, realizar-se-á como que um novo e mais importante êxodo, que fará reviver em pleno o júbilo da comunhão com Deus. Para todos os que estão desencorajados e desconfiados, ressoa a «boa notícia» da salvação: os resgatados de Javé sentirão uma alegria sem fim e a tristeza e o pranto fugirão».
Vejamos então que podemos reflectir a partir das leituras.
Comecemos com Sofonias 3,14-18a
Este texto que podemos ler (Cf. Bíblia on-line na coluna da direita), situa-nos no séc. VII a.C. A cidade de Jerusalém tinha sido invadida e o Templo de Deus profanado, levando a que se praticassem aí cultos a deuses pagão e a gerar a infidelidade para com a aliança estabelecida com Deus.
É aqui que surge o Profeta Sofonias a atacar a idolatria do culto, as injustiças, o materialismo, a despreocupação religiosa e os abusos da autoridade.O Profeta anuncia um castigo para com os profanadores e infiéis mas ao mesmo tempo faz um enorme apelo à conversão, a que o povo se volte de novo para o Senhor seu Deus e viva na fidelidade à Aliança.
É aqui que surge o convite a que este povo seja um POVO NOVO, onde reina a alegria, a exultação, o júbilo porque “o Senhor revogou a sentença… e está no meio de ti…”
Por isso o convite a que o povo clame jubilosamente e não tema.
Mais ainda, o profeta anuncia que o próprio Deus, por causa do Seu Povo “enche-Se de júbilo, renova-te com o seu amor, exulta de alegria por tua causa, como nos dias de festa”.

O mesmo tema encontramos na carta de Paulo aos Filipenses ( 4,4-7)“Alegrai-vos sempre no Senhor. Novamente vos digo: alegrai-vos… O Senhor está próximo… em todas as circunstâncias, apresentai os vossos pedidos diante de Deus,

Paulo, preso por causa do Evangelho, recebe dos cristãos de Filipos ajuda fraterna e decide enviar-lhes esta carta manifestando todo o seu afecto e a esperança em Cristo Jesus.
Mesmo em sofrimento, Paulo não se cansa de exortar os irmãos à alegria, em todas as circunstâncias, e a rezarem de diversos modos porque só em Cristo encontrarão a alegria plena.
A salvação prometida realiza-se nesta certeza de que a presença salvífica de Cristo se concretiza nas acções da comunidade orante e que estas se manifestam também de forma muito especial no testemunho alegre de quem espera a ressurreição prometida em Jesus Cristo.

Em Lucas 3,10-18 encontramos de novo João Baptista que nos desafia claramente a mudar de vida para podermos aceitar um novo Baptismo.


A grande questão que é colocada a cada um de nós, neste Evangelho de Lucas, é “QUE DEVEMOS FAZER?”Três situações se apresentam e a cada uma a resposta concreta.Este é o quadro que nos é apresentado nos vers. 10-14.
Perguntar “o que devemos fazer” implica que nos abrimos à proposta salvadora que nos vem de Deus. Querer saber o que fazer é estar predisposto a iniciar um novo caminho, um novo desafio, tenha ele os obstáculos que tiver. A resposta imediata é a do convite à conversão, à mudança de vida, à prática do bem.
Ao povo em geral, João Baptista recomenda a sensibilidade às necessidades de quem nada tem e a partilha dos bens; aos publicanos, pede que não explorem, que não se deixem convencer por esquemas de enriquecimento ilícito, que não despojem ilegalmente os mais pobres; aos soldados, pede que não usem de violência, que não abusem do seu poder contra fracos e indefesos…

Mas para onde conduz este novo caminho proposto por João? Porque fazer tal caminho?A resposta a esta questão vem logo a seguir nos vers. 15-18.João está a exortar à conversão e ao Baptismo. Ele baptiza nas águas do Jordão contudo sabe e anuncia que este não é o Baptismo definitivo. João aponta para a chegada do Messias, Aquele a quem ele nem sequer é digno de desatar a correia das sandálias – saberia João que tinha a missão de o Baptizar? – Aquele que virá baptizar pelo Espírito Santo e no fogo (do amor de Deus que nos ama e quer salvar).
O Baptismo de Jesus Cristo é para aqueles que querem ser este Povo renovado, o Homem novo tantas vezes proclamado em S. Paulo, Homem aberto ao novo da história, à nova relação íntima com o Deus Amor. Por isso o Baptismo no Espírito, Baptismo de confirmação de fé em Deus, o único Deus presente em Jesus Cristo que se faz Homem como nós.
Este Baptismo é aquele que também nos purifica de todo o mal, de todo o pecado, que nos confere uma vida nova de libertação de nós mesmos para sermos só de Deus. Daí se entende esta referência ao fogo que na Sagrada Escritura tem este sentido de purificar, apagar todo o mal em nós.
Neste Domingo “Gaudete” podemos também nós fazer esta pergunta: “que devemos fazer?”…
Escutemos o que Deus nos pede, a cada um em particular, na circunstância da nossa vida que vivemos.
Mas não esqueçamos que o maior desafio que nos é lançado é o de nos alegrarmos e exultar, em todas as circunstâncias, porque o Senhor está próximo.
“Alegrai-vos sempre no Senhor!”

11 dezembro 2013

Papa Francisco é Homem do ano

Nova York, 11 dez (EFE).- O Papa foi eleito nesta quarta-feira a Pessoa do Ano pela revista americana 'Time', que destacou o início da modernização da Igreja desde que Francisco assumiu seu cargo.
Papa Francisco, HOMEM DO ANO
A revista o classificou como 'o papa do povo' e enalteceu sua espontaneidade com os fiéis e disposição para discutir questões como o celibato, o papel das mulheres na Igreja e o homossexualismo.
'O que torna tão importante este papa é a rapidez com a qual capturou a imaginação de milhões que tinham abandonado toda esperança com a Igreja', acrescentou o artigo da 'Time'.
Segundo a revista, estas pessoas estavam desencantadas com a 'incessante' discussão na Igreja sobre questões sexuais e as lutas internas sobre autoridade, enquanto o rebanho 'segue faminto'.
'Em questão de meses, Francisco elevou a missão redentora da Igreja', disse a 'Time', para quem o pontífice colocou a instituição 'acima do trabalho de polícia doutrinal tão importante para seus dois antecessores, João Paulo II e Bento XVI'.
A revista lembrou que estes dois eram professores de teologia, enquanto Francisco trabalhou como porteiro de boate, técnico de laboratório e professor de literatura.
 
Copyright (c) Agencia EFE, S.A. 2010, todos os direitos reservados

Vatican.va

Declaração do Diretor da Sala de Imprensa perante a pergunta colocada esta manhã:
«O que pensa sobre a escolha do Papa Francisco como "Personalidade do Ano" feita pela revista estadunidense Time?
O diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, Pe. Federico Lombardi, escreveu:
"O fato não me surpreende, dada a ressonância e a atenção vastíssima da eleição de Papa Francisco e do início do novo pontificado. É um sinal positivo que um dos reconhecimentos mais prestigiosos no âmbito da imprensa internacional seja atribuído a quem anuncia no mundo valores espirituais, religiosos e morais e fala eficazmente em favor da paz e de uma maior justiça
Quanto ao Papa, de seu lado, não busca fama e sucesso, porque realiza o seu serviço para o anúncio do Evangelho do amor de Deus para todos. Se isto atrai mulheres e homens e dá-lhes esperança, o Papa fica feliz. Se esta escolha de “homem do ano” significa que muitos entenderam – ao menos implicitamente – esta mensagem, disso ele certamente se alegra"». 

07 dezembro 2013

Imaculada, minha Mãe...

IMACULADA CONCEIÇÃO, Senhora e Mãe minha.Não consegui gravar Avé Maria de Schubert para Ti hoje...
Falta de voz, meios, e muito trabalho... Tentei mas não consegui. Mas Tu, sim Tu, Mãe, sabes bem o quanto Te quero e canto. Sem Ti a Vida seria vazia, sem esperança, sem Deus...
Obrigado Mãe porque fazes parte de mim e eu de TI...
Abençoa neste dia todos os Amigos que por aqui passarem, os meus familiares, Amigos e todos quantos rezam por mim.
Como Tu quero dizer: "Ecce fiat magnificat!

AVISO LEGAL – Procurarei fazer, neste blog, uma utilização cautelosa de textos, imagens, sons e outros dados, respeitando os direitos autoriais dos mesmos. Sempre que a legislação exigir, ou reclamados os referidos direitos de autor, procurarei prontamente respeitá-los, corrigindo informação ou retirando os mesmos do blog

 
© 2009 | RETALHOS 2 | Por Templates para Você